Vrum?

Propaganda de bandeira de combustível. Quatro galalaus em volta do capô aberto dum carro [gang bang?]. Chega um quinto e *conversa* com o cidadão.

– Vrummmmm vrum vrum?
– Vrummmmmm vrum.
– Vrum?
– Vrum.
– Vrumtatatatatata?
– Tatatatata.

E conclui: motor sujo, gasolina ruim*. Tem que ser Texaco com Techron.

Na mesma hora lembrei da lenda que corre [ainda] em torno de Ayrton Senna, que diz que ele era capaz de acertar o carro pelo ouvido. As imagens dele paradão, só ouvindo os mecânicos mexendo no motor e depois indo direto ao problema, são as que tenho na memória.

Outro que dizem ter esse dom é Roberto Pupo Moreno, considerado um dos melhores acertadores de carro até hoje. E Moreno vai largar na 31ª posição das 500 Milhas domingo agora, substituindo Stephan Gregoire aos 48 anos – e foi ele quem classificou o carro. Quando Gregoire bateu e fraturou a vértebra ainda não tava confirmado no grid. Ele é uma espécie de coringa: sempre que precisam de um piloto substituto urgente chamam o brasileiro.

Não assisti nenhuma corrida em 2007, de nenhuma categoria. Acho que vou começar pelas 500 Milhas mesmo. Basicão.

* Não adianta abastecer com gasolina especial depois de usar da comum ou da adulterada durante muito tempo, caus que gasolina ruim deixa a sujeira incrustada – igual gordura na parede das artérias. Quando a aditivada passa, vai arrancando a sujeira acumulada que chega no motor e bum, funde a cabeça do coitado. Tem que usar de psicologia.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s