Jurema ataca novamente

Num dos tópicos da comunidade Agatha Christie li um comentário que me lembrou que em casa também fazemos isso, e também graças à Mitzi de Convite para um homicídio: a frigideira de fritar ovo e omelete não é lavada, e sim cuidadosamente limpa com papel-toalha. E não é de teflon, material que nem existia em 1950, mas não gruda nada e o ovo fica lindo. Obrigada, tia Agatha!!

Outro inglês que paixonei, culinariamente falando, é o Jamie Oliver. No episódio de sábado ele fez feijoada [Jurema acordou] e “bonita bacula” – que o colega brasileiro entendeu que era bolinho de bacalhau. Tão fofo! E ele não é cheio de frescura feitos outros chefs, que chegam ao absurdo de cozinhar usando luvas cirúrgicas. Jamie Oliver lambe os dedos e é de lamber os dedos, nham nham.

Agora bateu vontade de comer pudim de leite… Não 4 toneladas, claro, mas um bom tanto.