Canjica ou curau?

A Kênia comentou um trem deverasmente interessante e que, pra variar, eu não sabia: o “nosso” curau aqui dos interior de SP é conhecido pelo nome de canjica lá nos Recife e redondeza! Pra mim canjica é outra coisa, é arroz doce sem arroz feito com aquele milho branco [prefiro com arroz]. Lá em cima, canjica é creme doce de milho verde.

Curau o Sêo Elói faz, eu não passo aperreio por falta. Geralmente, quando ele faz curau tem bolo de milho verde caus que aproveita o bagaço. Eu gosto dele quente , mas não rejeito gelado. O carro da pamonha oferece curau também, só que eu nunca provei.

Olhaí, freguesia, está passando na sua rua o carro da pamonha. Pamonha fresquinha, pamonha caseira, é o puro creme do milho verde. Temos curau e pamonha. Venha provar, minha senhora, é uma delícia. Pamonhas, pamonhas, pamonhas.

Agora ficou-se-me uma dúvida, Kê: e o que nós chamamos de canjica aqui, como se chama aí? Eu já sei que o que a gente chama de paçoca aqui não é doce de minduim moído aí…

Isso me lembra uma vez, quando ainda jogava no QuizNet, que uma das minhas sisters ficou brava comigo comigo porque eu disse pra ela parar de bufar. Mal sabia eu que, se bufar em SP significa expirar com força pelo nariz para exprimir raiva ou impaciência, no MA significa soltar o ar pelo outro lado, o de baixo.

LOL! Gafes regionais.

Crédito da imagem: Rainhas do Lar