Impostor

Falando em clonagem, Bruna, outro dia assisti Impostor.

É daquele cara, o Philip K. Dick. Ele tem uma visão meio profética do que pode vir a ser o futuro. Pois é…

O filme trata mesmo de clonagem – num estágio muuuuito mais avançado, praticado pelos centurianos. O clone apresenta, além das características físicas idênticas [ao contrário dos nossos, chinfrins], toda a memória, maneirismos, características pessecológicas do clonado. O clone acredita mesmo que é o original.

Continue lendo