Música para os olhos

Roger Waters, Dave GilmourEntre 2 e 6 de julho do ano passado, o agora Sir Bob Geldof reuniu músicos e personalidades em nove cidades ao redor do mundo, em concertos destinados a forçar a atenção do G8 para a pobreza dos países africanos. Foi a reedição do Live Aid de 1985, rebatizado Live 8. Se em 85 o show do Queen, no Wembley Stadium, foi eleito o melhor de todos, desta vez a honra coube ao Pink Floyd no Hyde Park, na mesma Londres. Reza a lenda que os músicos que se apresentavam simultaneamente nas outras cidades pararam tudo para assistir a reunião de Roger Waters, Dave Gilmour, Nick Mason e Richard Wright após 24 anos de separação e disputas judiciais – e tiveram motivos. Foram 24 minutos de epifania, um minuto para cada ano que nos privaram de música: Breathe [Speak to me], Money, Wish you were here [parte da trilha sonora deste blogue no mês passado, disponível na Ouvateca] e Comfortably numb compuseram a setlist da noite. Quem não comprou o box do show pode procurar nos P2P ‘que vale totalmente a pena [palavras-chave: Pink Floyd Live at Live8, um arquivo AVI de 100MB. tem um de 338 MB que é maior mas a qualidade do vídeo é pior]. Gilmour e Waters envelheceram muito bem, a voz ficou mais rica e estão, ambos, mais fazíveis do que quando estiveram em Pompéia.
;o)

Outro show que eu gostei bastantão foi o de Madonna; ela parece um seleiro novato que dá algumas no cravo e várias na ferradura, mas a apresentação de “Like a prayer”, também em Londres, foi uma redenção [vídeo para download naqui, 53MB, formato MPG]. O coral, o figurino todo branco, o domínio de palco que ela tem, tudo contribuiu para tirar o fôlego – e isso assistindo pela tv, imagine o que não deve ter sido ao vivo. Madonna é uma das poucas artistas a se apresentar nas duas edições do concerto; os outros são Paul McCartney, Elton John, Sting, Duran Duran, The Who [mais um show fantástico, mas sou suspeita para dizer que adorei a apresentação de Who are you?] e Brian Wilson, que esteve no Live Aid de 85 com a banda completa [Beach Boys] e solo no Live 8 em Berlim, nos portões de Brandenburg [mais um show que gostei mucho]. Update: George Michael apresentou-se em 85, na época com sua banda Wham!, e em 2005 solo. O A-ha apresentou-se também em Berlim: Hunting High and Low, Take On Me e Summer Moved On fizeram a setlist da banda que enfrentou problemas sérios de som [dá para perceber neste vídeo disponível para download, formato WMV, 45 MB]. Provavelmente foi por isso que não estão nos DVDs – mas não faz mal, porque no mês seguinte fizeram aquele show maravilhoso no Frognerparken em Oslo para lançar o CD Analogue [tem esse show nos P2P, aproximadamente 620MB, e a setlist está nesse poste de setembro].

A pergunta agora é: quem seria um bom representante brasileiro num Live 8 futuro? Eu gostaria de ver Paralamas com Alagados, e tu?

Anúncios

Um comentário sobre “Música para os olhos

  1. Pingback: Top Roqueiros Carecas Fazíveis « Batata Transgênica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s