Leio porque é livro

A gente desconfia que algo virou ícone pop quando vira referência em outros meios. Harry Potter, por exemplo, foi citado no livro O Código Da Vinci de Dan Brown [quando Robert Langdon explica para seu editor que o Santo Graal é mencionado no livro mais lido do mundo], no filme O Diabo Veste Prada [v. poste de Marcus na Cozinha] e na série Lost [quando Sawyer tem que usar óculos remendados no ep Deus Ex Machina].

Alinhais, impressão minha ou Sawyer é o único personagem da ilha que lê? Se não for, é o cara que tem as sacadas mais legais – e uma bagagem cultural extensa e diversificada, móde poder apelidar todo mundo.

Projeto de Titia Batata agora é ler as obras que foram mencionadas na série.

* Referência descaradamente chupinhada de Leo Lopes.

Um comentário sobre “Leio porque é livro

  1. Pingback: O terceiro tira « Pensamentos de Uma Batata Transgênica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s