Quando não é pra ser, não é

Primeira corrida na história da Fórmula 1 a ser disputada à noite, coisetal, todo mundo já leu a respeito, não vou comentar [mesmo porque só vi a edição resumida, hehehe]. Mas nem na edição resumida deixaram de mostrar um piloto brasileiro que abandonou a prova logo no começo, caminhando na direção do público pra dar-lhe um agrado [luvas? balaclava? não consegui ver direito].

Magine a cena: público à direita, passarela no meio e mar à esquerda. Piloto brasileiro joga o mimo pra direita, ele faz uma curva e cai no mar. Desta vez até eu fiquei com dó dele. Ô sujeito cag*do.

V. corrida na íntegra no blog Formula 1 Review.

De ponta-cabeça ou de cabeça pra baixo?

Uma perspectiva do mundo.

Uma perspectiva do mundo.

Tava a ouvir o Miti Miyamura na Rádio Banzai e ele disse uma coisa interessante: só no Estado de SP se diz “de ponta-cabeça”, que ni todo o Brasil se diz “de cabeça pra baixo”.

Isso procede? Como se diz aí onde você mora?

São esses detalhezinhos mínimos que me fazer er contra qualquer tentativa de unificação, mesmo que ortográfica.

Houaiss
ponta-cabeça
Acepções
■ substantivo feminino
cabeça no chão e pés para cima
Locuções
de ponta-cabeça
de cabeça para baixo; de pernas para o ar
Gramática
pl.: pontas-cabeças e pontas-cabeça
Uso
empr. somente nesta loc.