We didn’t start the fire – Billy Joel

Capa do single
Capa do single

* A redação deste post só foi possível graças a Ivan Freitas. Senquiu!

Visite o site oficial de Ivan Freitas.

Eu costumo prestar atenção nos sinais. Não, não os de trânsito – digo, eu presto atenção nos sinais de trânsito, oras, não me confunda! – quero dizer as coincidências. Tava matutando em procurar clipes do Billy Joel pras Domingueiras porque ouvi Uptown Girl semanas atrás e hoje o Ivan tuitou três versões diferentes de We Didn’t Start the Fire, que eu lóvo.

Sinais.

Mas não vou esperar domingo.

Billy Joel nasceu em 1949, ele faz parte da Geração Baby Boom nascida após o fim da Segunda Guerra Mundial. Os EUA viviam a concretização do american dream nos anos 50-60, mas quando a crise dos costumes surgiu [trazendo junto outras crises relacionadas] os boomers viraram alvo de críticas da geração anterior e da posterior também. O refrão da música é a resposta do roqueiro a essas críticas:

We didn’t start the fire
It was always burning
Since the world’s been turning
We didn’t start the fire
No we didn’t light it
But we tried to fight it


Não iniciamos o incêndio, ele sempre esteve queimando desde que o mundo gira. Não iniciamos o incêndio, não, não o acendemos, mas nós tentamos combatê-lo.

We Didn’t Start the Fire foi lançada no álbum Storm Front em outubro de 1989. As personalidades e eventos citados cobrem o período de 40 anos entre o nascimento do autor e o lançamento do CD [o que deixou de fora a queda do muro de Berlim, claro, que ocorreu pouco depois]. Segundo a BBC, a inspiração para a criação da letra surgiu quando dois sobrinhos de Billy Joel resmungaram que a História não acontecia mais hoje em dia, enquanto faziam um trabalho escolar. Joel então sentou-se e começou a listar eventos históricos recentes, uma tarefa fácil para quem lia livros de História desde os sete anos de idade.

Apesar de concorrer ao Grammy e de figurar no topo das paradas nos EUA e na Inglaterra, a revista Blender e o canal VH1 colocaram We Didn’t Start the Fire entre as 50 piores músicas ruins de todos os tempos. Gosto e umbigo, né?

We Didn’t Start the Fire – Billy Joel videoclipe original

http://www.youtube.com/watch?v=Y9cci8iWv-g

A professora de História Tracey Osbourne – ou Teacher Oz – criou em seu website uma página com links para todas as citações na letra de Billy Joel que vale uma vasculhada.

We Didn’t Start the Fire – Billy Joel clipe versão de Mr Allsop

Link http://www.youtube.com/watch?v=E8lrRvuwczk

Em novembro deste ano, um usuário do Youtube chamado The Decade in Review [“a década revista”] criou uma letra baseada na canção de Billy Joel, listando os eventos mais importantes entre 2000 e 2009. É uma versão interessante mas, na minha opinião, falta-lhe uma visão mais universal. A de BJ é centrada em acontecimentos e personalidades dos EUA, também, mas não tanto quanto a de decadeinreview.

Decade in Review 00-09: We Didn’t Start the Fire letra e clipe versão de decadeinreview

Link http://www.youtube.com/watch?v=c24kzS-UX3k

2000
Y2K; genome; Space Station; Firestone;
Gladiator; wassaaaap; Survivor Borneo.
Hanging chads; Elian; forest fires; dotcom;
Slobodan Milosevic; Napsters gotta go.

2001
Stem cells; XP; Dubya; 3G;
Twin Towers, Pentagon, Afghanistan and Taliban;
American Airline; Israel and Palestine;
Anthrax; Tim McVeigh; Unveiling of the iPod…

Chorus
End of the decade – from Y2K to the present day
End of the decade – it’s how we’ve begun the millennium

2002
Merrill Lynch; WorldCom; Anderson and Enron;
Iran, Iraq and North Korea; Idols on the air;
Snipers; Spider-Man; Wins for the Republicans;
Church scandals; pretzels; Bali hit by terror.

2003
Blackout; gay rights; Governator wins the fight;
US back in Iraq, Shock and Awe is the attack;
Columbia; Smart found; Martha Stewart; Colin Powell;
Kobe and Michael Jackson, trouble with the law…

Chorus

2004
Swiftboats; Avian; Ukraine poison; Turin;
Dean screams, Kerry runs; Dubya wins a second one;
Arafat; Tsunami; Facebook lets you poke me;
Madrid; Abu Ghraib; Janet Jackson, Timberlake…

2005
Terry Schiavo; London Bombs; steroids; Colberts on;
Roberts, Reinquist; new Pope is Benedict/
No hockey; Kashmir; Brokeback Mountain; LOST is here; Michael Brown, FEMA, Hurricane Katrina…

Chorus

2006
Pluto; YouTube; Cookies are a sometimes food;
Steve Irwin; Borat; Midterms for the Democrats;
Sony PS3 fighting the Nintendo Wii;
Liquids banned from airplanes; Gerald Ford; Saddam Hussein…

2007
Mortgage crisis; botox; Harry Potter; iPhone rocks;
The OC, gone away, what else do I have to say…

Chorus

2008
Sarah Palin, Hillary, Tina Fey, Romney;
John McCain, back again, falls to Obama campaign;
Michael Phelps; OJ; Rick Roll is a runaway;
Market falls; recalls; Blagojevich and phone calls …

2009
Sullenberger; stimulus; swine flu scaring all of us;
Twitter down for a day; Jackson, Fawcett, Billy Mays;
Farmville; bomb the moon; Joe Wilson; auto-tune;
Crosby wins the Stanley Cup; Star Trek; Twilight; Pixar’s “Up”

End of the decade – from Y2K to the present day
End of the decade – But though this ones gone, they will still go on, and on, and on, and on…
End of the decade – from Y2K to the present day
End of the decade – it’s how we’ve begun the millennium
End of the decade – from Y2K to the present day
End of the decade – it’s how we’ve begun the millennium…

A canção do Billy Joel também foi usada na campanha mundial da Coca-Cola para a Copa de 2006 [Alemanha]. Aqui a versão argentina.

Link http://www.youtube.com/watch?v=_79n8nZD-2g

Anúncios

2 comentários sobre “We didn’t start the fire – Billy Joel

  1. Boa essa da década revista. Além da memória curta, minha cabecinha não contém muitos bytes, sabe como… Sem falar que as coisas correm, e como correm! Ví que o caso Enron foi em 2002, segundo a listinha. Gente, já se passaram 7 anos! Parece que foi ontem. Ou será a crise que esticou demaaaaaais e fico com a impressão de que Enron ou Lehman Brothers é tudo a mesma coisa? Pra minha carteira dá na mesma. Tá sempre faltando notas,rs!

  2. Que coisa… eu adoro Billy Joel, dofundodocoração, mas não sou particularmente fã de ‘We didn’t start the fire’. Acho que o refrão é longo demais, repetitivo demais, sei lá.

    E também não a colocaria como uma das piores músicas de todos os tempos, ló-ge-co!

    Mas, umbigo é umbigo, néam? rsss

    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s