Da coluna do Prof. Ivo

A Língua Nossa de Cada Dia
1. Desvirgulando: Seu ex-presidente disse… não pode haver vírgula de maneira alguma após a palavra presidente (sujeito) e antes do verbo (disse): regra fundamental de concordância verbal (não há vírgula entre o tema e a informação).
Em tempo: Seu Hilário Juliano Ruiz de Oliveira ainda é o atual presidente da Câmara;

2. À medida que = à proporção que; Na medida em que = tendo em vista que; use tais expressões corretamente: À medida que conquistava poder, tornava-se mais autoritário. É preciso, na medida em que existem as leis, respeitá-las.

3. Diga e escreva: Reside na (e não à) Rua Olavo Bilac; Residente na Rua Valentina Toazza; Morador no Largo da Paz; Reside na Praça da Árvore, Situado (ou sito) na Rua das Acácias;

4. O Verbo vazar está em alta: As informações sigilosas vazaram da área oficial para a imprensa; é incorreto dizer a área oficial vazou as informações para a imprensa;

5. A semana em que estamos é esta; O lugar em que alguém está é este ou esta: Esta casa (a casa em que se está), esta vila, este bairro, esta cidade, este país, este mercado;
O período (ou a vigência de alguma coisa) em que estamos é este ou esta: Este ano (o ano de 2010), este dia (sábado, hoje), esta tarde, esta semana, este século (XXI), este momento, este governo (o do sr. Lula), esta administração (do sr. Geninho), etc.

6. Empregue ESSE para referir-se pela segunda vez à pessoa ou coisa: Anos depois de ter-se mudado, percebeu que ESSE havia sido o dia mais importante de sua vida. Chegou a Olímpia em 1950; nesse ano, conheceu Maria, com quem se casou!
Indica tempo passado: Esse tempo que não volta mais, foi um tempo feliz; Esses anos, o de seus estudos, foram os que formaram a base de seus conhecimentos profissionais; Esse período, amigos, passou, não haverá outro igual ou parecido.

7. Onde e Aonde: Este é o edifício onde ela mora; Esta é a escola onde ele estuda;
Não sei aonde ele vai com tamanha pressa (emprega-se aonde com verbos de movimento, deslocamento); Aonde ele quer chegar?; Aonde essa atitude a levará. E estamos conversados. Fonte: “Com Todas as Letras”, do saudoso Eduardo Martins, foi jornalista de O Estado de S. Paulo por muitos anos.

Professor Ivo de Souza, Olímpia/SP [iFolha, 05/12/2010].

About these ads

Um comentário sobre “Da coluna do Prof. Ivo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s