Jane Eyre [1983]

Jane Eyre 1983

Eu costumo gostar das adaptações que a BBC faz de obras literárias porque mantém o máximo de fidelidade à letra e ao espírito do livro, com alterações mínimas. Além disso, o próprio formato minissérie é mais adequado no caso de histórias extensas como Jane Eyre, da escritora inglesa Charlotte Brontë.

No caso da adaptação exibida em 1983, por exemplo, foram onze episódios totalizando quatro horas. Isso deu tempo suficiente para abordar todas as fases da vida da órfã Jane desde a morte do tio e guardião Mr. Reed em Gateshead Hall, passando pelo período em Lowood, em Thornfield Hall e em Moor House, até chegar a Ferndean.

Personagens e fatos excluídos de outras adaptações encontram espaço no roteiro de Alexander Baron e por enquanto essa foi a versão mais fiel que assisti [lembrando que só vi as de 1944, 1970, 1983, 1996, 2006 e 2011 – e estou com as de 1949, 1973 e 1997 na fila].

A partir deste ponto há spoilers

Uma cena icônica: Jane Eyre de castigo no banquinho

Continuar lendo