[Sons of Anarchy] Call of Duty

Tig para Clay: Do you know why you is losing this Club? Do you? Ain’t because of the drugs. It’s ’cause you crawl in there and you shut those doors and you lock all of us out.

A pessoa pensa assim: “ah, uma série de macho, testosterona rolando solta com aqueles cabra durão, tranquilo” e acaba de assistir ao episódio aos prantos, pior do que se fosse num filme com gatinhos doentes.

Call of Duty durou 59 minutos [contra os 42 habituais] e, de novo, foi um acerto de roteiro do início ao fim. Todas as subtramas tiveram seu quinhão e praticamente todos os personagens compareceram. Dentro da história da série, que mantém um nível otimizado de qualidade, acho que esse episódio foi um dos melhores.

Personagens que vinham atuando na sombra do plot envolvendo Clay e o transporte de drogas ganharam mais profundidade e individualidade desta vez. Tig, que eu amo, vinha sendo jogado pra escanteio não apenas por Clay, mas tinha episódio em que mal tinha uma linha de diálogo e agora definiu suas lealdades. Ele ama Gemma, mas não é isso que o define na série: é todo o conjunto de valores éticos e morais, embora distorcidos em algumas questões. Eu gosto como os personagens em SoA não são bidimensionais, como os conflitos não se extinguem em uma dualidade simplista de bem versus mal e de como essa complexidade é construída e sugerida, em vez de soletrada para o espectador.

A cena em que Tig entrega o patch de Sergeant in Arms pro Clay foi épica.

E demorou, mas finalmente a morte de Luann teve um encerramento. Isso foi quando, na primeira ou na segunda temporada? A gente sabia que foi o cara lá, mas eles só tinham a suspeita/certeza, sem ter confissão nem meios de provar. E  deixa eu te contar que já manjei o Bobby quando ele prometeu que não mataria  o Georgie depois que confessasse. E manteve a promessa! Pena que o bobão não arrancou essa jura dos outros também… Foi o momento de humor de um episódio tenso.

Margaret: What in God’s name happened?
Gemma: Flew my broomstick into a brick wall.

Continue lendo